Card image
Indy
McLaughlin segura Palou e vence etapa de Mid-Ohio da Indy

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 03/07/2022
  • Atualizado: 03/07/2022 às 15:55
  • Por: Ana Oliveira

Scott McLaughlin venceu neste domingo (3), o GP de Mid-Ohio, nona etapa da temporada 2022 da Indy. O piloto da Penske largou em segundo e dividiu a liderança da prova com Colton Herta após Pato O’Ward ter problemas com seu carro. McLaughlin dominou nas voltas finais e segurou os ataques de Alex Palou para vencer.

O segundo lugar ficou com Palou, que tentou por diversas vezes a ultrapassagem, mas não foi bem sucedido. Will Power finalizou na terceira colocação após largar no meio do pelotão e precisar fazer uma prova de recuperação. Rinus Veekay foi o quarto colocado, seguido por Scott Dixon.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

Líder do campeonato, Marcus Ericsson ficou com o sexto lugar. Josef Newgarden finalizou em sétimo. Logo atrás, Helio Castroneves conseguiu levar seu carro até a oitava posição. Já o novato David Malukas ficou com a nona colocação. Simon Pagenaud encerrou o top 10 da prova.

LEIA MAIS:
Sainz supera Leclerc e, na Inglaterra, vence pela primeira vez na F1
Stock Car: Gaetano Di Mauro e Bruno Baptista vencem em meio ao caos no Velopark

A corrida foi marcada por diversas bandeiras amarelas e abandonos. Confira o relato da prova:

Pato O’Ward, o pole, conseguiu segurar a posição na largada, enquanto McLaughlin atacava pela segunda posição. No meio do pelotão, alguns pilotos foram tocados, sendo o principal Will Power, que rodou na pista e acabou ficando para trás, prejudicando sua prova.

A corrida seguiu tranquila, com os pilotos mantendo boa distância entre si e Will Power escalando o pelotão para recuperar as posições perdidas. Enquanto isso, O’Ward mantinha-se com distância de cerca de um segundo para McLaughlin.

Na volta 9, a McLaren de Félix Rosenqvist começou a perder ritmo e soltar fumaça, indicando quebra de motor. O piloto precisou abandonar a prova, causando a primeira bandeira amarela da prova em Mid-Ohio. A bandeira verde foi autorizada na volta 13.

Durante a relargada, Colton Herta foi o principal alvo, sendo ultrapassado por Scott Dixon e tendo que resistir às investidas de Simon Pagenaud. Os dois ficaram lado a lado em várias curvas, mas Herta conseguiu segurar sua quarta posição.

As voltas 20 a 30 foram marcadas pelas idas aos boxes, com vários carros trocando de posição após o pit stop. Já a volta 29 foi de desespero para O’Ward, que viu seu carro começar a perder potência, sendo chamado para os boxes.

A bandeira amarela foi acionada novamente no giro 31 após Kyle Kirkwood escapar da pista, bater na barreira de pneu e ficar no gramado. Neste momento, McLaughlin aparecia como líder da prova, Colton Herta em segundo,  enquanto Pato O’ward era o terceiro.

A relargada aconteceu entre as voltas 34 e 35 com Álex Palou assumindo a segunda posição, mas durou pouco: a bandeira amarela foi acionada após Jack Harvey tocar Dalton Kellett, que rodou e ficou com o carro parado fora do traçado.

A prova foi retoma na na volta 40, com brigas no meio do pelotão, enquando Palou atacava McLaughlin pela liderança. Rinus Veekay tirou a quinta posição de Josef Newgarden, enquanto Helio Castroneves colocava pressão em Callum Ilott pela 14ª colocação.

Na volta 43, Will Power emparelhou seu carro com o de Alexander Rossi, fazendo uma ótima ultrapassagem pelo nono lugar no grid. Pato O’Ward voltou a perder desempenho, perdendo mais posições.

A volta 50 foi marcada por Takuma Sato escapando da pista, mas o japonê conseguiu retornar ao traçado sem grandes problemas. Tatiana Calderón começou a perder desempenho duas voltas depois, ficando lenta na pista. Bandeira amarela de novo.

Colton Herta se manteve na frente durante a relargada, enquanto Power assumiu a quarta posição. A corrida parou novamente após Rossi e Grosjean colidirem na volta 59 e saírem da pista, causando novamente a entrada do pace car.

A prova retornou com menos de 20 voltas para o fim, com Power forçando para tentar a segunda posição. Castroneves também avançou em cima de Pagenaud e conseguiu a ultrapassagem pela nona posição. O brasileiro também ultrapassou Harvey pela oitava posição.

Colton Herta, que liderava, escapou da pista após um toque de Romain Grosjean. McLaughlin reassumiu a primeira posição, mas foi atacado por Palou.

As últimas 10 voltas foram marcadas pela briga entre Grosjean e Rossi, que se enfrentaram várias vezes na pista. Palou também se aproximou mais de McLaughlin, levando risco ao piloto da Penske. Porém, McLaughlin conseguiu se defender bem e venceu a etapa em Mid-Ohio.

Comentários