Card image
Fórmula E
Fórmula E: Dillmann bate em Frinjs nos boxes em Marrakesh

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 12/01/2019
  • Atualizado: 12/01/2019 às 11:00
  • Por: Leonardo Marson

Um fato inusitado marcou a definição do grid de largada para o ePrix de Marrakesh, segunda etapa da temporada 2018/2019 da Fórmula E. Após o encerramento da classificação dos pilotos que integravam o terceiro dos quatro grupos, Tom Dillmann, piloto da NIO, bateu na traseira do carro de Robin Frinjs quando chegava aos boxes. O holandês, por sua vez, foi empurrado em direção ao carro de Sam Bird, seu companheiro na Virgin.

LEIA MAIS:
Bird bate Vergne e é pole do ePrix de Marrakesh de Fórmula E
Evans aparece no fim e lidera segundo treino em Marrakesh
Frinjs lidera primeiros treino da Fórmula E em Marrakesh
Max Verstappen será comissário no ePrix de Marrakesh

O incidente aconteceu enquanto a transmissão oficial da Fórmula E exibia uma entrevista com Lucas di Grassi, que havia feito sua classificação no segundo grupo, e explicava os motivos de ter um desempenho ruim. Tanto o brasileiro da Audi Sports quanto Nick Shields, repórter da categoria, se assustaram com o impacto do acidente.

“Eu parei no pitlane. Quando eu movimentei o carro de novo, eu perdi os freios. Eu não tinha freio nenhum. Não havia nada que eu pudesse fazer. Os freios estavam muito quentes, meu pedal estava no chão com zero freio”, explicou Dillmann, após o acidente.

Dillmann e Frinjs acabaram não se classificando para a superpole, fase final da classificação, quando a pole position é definida. Bird, por sua vez, teve o difusor de seu carro avariado. Ainda assim, o inglês, mais rápido da primeira fase da classificatória, conseguiu a melhor volta e garantiu a pole position para a prova em Marrakesh.

A segunda etapa da Fórmula E será disputada ainda neste sábado, com largada marcada para 13h, pelo horário brasileiro de verão, e contará com transmissão dos canais Fox Sports.

Foto: reprodução/TV