Card image
Competições
Bottas domina segundo treino da F1 na Inglaterra

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 12/07/2019
  • Atualizado: 12/07/2019 às 11:33
  • Por: Leonardo Marson

Valtteri Bottas foi o piloto mais rápido do segundo treino livre para o Grande Prêmio da Inglaterra, décima etapa da temporada da Fórmula 1. Depois de ser batido por Pierre Gasly na primeira sessão realizada nesta sexta-feira (12) no circuito de Silverstone, o piloto da Mercedes cravou 1min26s732, melhor tempo do dia, usando os pneus macios em sua melhor volta.

Valtteri Bottas
Bottas dominou a segunda sessão em Silverstone, liderando praticamente todo o ensaio. (Foto: Mercedes)

A segunda posição ficou com Lewis Hamilton, companheiro de equipe de Bottas na Mercedes que acabou 0s069 atrás do melhor tempo. Charles Leclerc, com a Ferrari, ficou com o terceiro melhor tempo, e foi seguido por Sebastian Vettel, quarto com o outro carro do time de Maranello. O grupo dos cinco primeiros foi completado por Pierre Gasly, da Red Bull.

Lando Norris colocou a McLaren na sexta colocação ao final do treinamento, e foi seguido por Max Verstappen, com o outro carro da Red Bull. Carlos Sainz, companheiro de equipe de Norris, fechou a sessão com o oitavo melhor tempo, enquanto Alexander Albon, da Toro Rosso, fez o nono tempo. Sergio Pérez, com um equipamento da Racing Point, ficou com a décima posição na classificação.

LEIA MAIS:
Gasly desbanca Bottas e lidera TL1 em Silverstone
F1 anuncia acordo de cinco anos com Silverstone

O treinamento não contou com nenhuma interrupção, como aconteceu no primeiro ensaio do dia, mas teve um incidente com Daniel Ricciardo, que parou na área de escape com sua Renault após o motor do carro se desligar. Além disso, diversos pilotos escaparam da pista em diversos trechos do circuito inglês, sem provocar consequências nos carros e no treinamento.

As atividades da Fórmula 1 em Silverstone seguem neste sábado (13), com a realização do terceiro treino livre, marcado para 7h, e a classificação, que acontecerá às 10h, ambas com transmissão dos canais Sportv. O Grande Prêmio da Inglaterra será disputado no domingo (14), com largada marcada para 10h10, e que será exibido pela TV Globo, pelo portal GloboEsporte.com e pela rádio Band News FM.

Confira como foi o segundo treino livre

A segunda sessão de treinos em Silverstone foi aberta pontualmente às 10h, pelo horário de Brasília, com os pilotos partindo à pista tão logo ela foi liberada. Porém, assim como no primeiro ensaio do dia, os competidores fizeram voltas de instalação e retornaram aos boxes na sequência. O primeiro a anotar volta foi Kimi Räikkönen, que sofreu com uma quebra pela manhã, e anotou 1min31s868 com a Alfa Romeo.

A liderança mudou de mãos algumas vezes, passando por Kevin Magnussen, da Haas, e Lando Norris, da McLaren, até que Valtteri Bottas cravasse 1min27s191 com a Mercedes, tomando a primeira colocação na folha de tempos, sendo seguido por Charles Leclerc, da Ferrari, e Lewis Hamilton, seu companheiro no time da estrela de três pontas. Sebastian Vettel, por sua vez, escapou com a outra Ferrari.

Bottas passou a enfileirar voltas mais rápidas com a Mercedes, e alcançou 1min26s781, enquanto Carlos Sainz, da McLaren, escapou da pista. No complemento do primeiro terço da atividade, Vettel avançou ao quarto lugar, superando Hamilton e ficando atrás de Bottas e da dupla de pilotos da Red Bull, que viu Max Verstappen aparecer à frente de Pierre Gasly.

Norris foi mais um a escapar da pista, sem provocar qualquer consequência ao treinamento e ao carro da McLaren. Com 40 minutos de treinamento, Hamilton avançou para a segunda posição, ficando apenas 0s020 distante do tempo de Bottas, enquanto Leclerc avançou para o terceiro lugar com a Ferrari. O finlandês da Mercedes melhorou ainda mais seu tempo, alcançando 1min26s732.

Hamilton tentou se aproximar do tempo de Bottas, mas passou do ponto em uma das curvas, perdendo tempo. Com 40 minutos para o encerramento da atividade, pilotos e equipes passaram a se preocupar com as simulações de corrida, e os tempos deixaram de baixar. O finlandês deu uma escapada da pista, sem gravidade. A sessão terminou sua segunda meia hora com Bottas na liderança, seguido por Hamilton, Leclerc, Vettel e Gasly.

Restando 16 minutos para o final da atividade, Daniel Ricciardo apareceu lento no segundo setor da pista, provocando o acionamento do Safety Car Virtual, que durou pouco mais de três minutos. O treinamento seguiu até o final sem que as posições fossem alteradas, o que manteve Bottas com o melhor tempo, seguido por Hamilton e Leclerc.