Card image
Notícias
Pilotos lamentam incêndio com vítimas no CT do Flamengo

9 Minutos de leitura

  • Publicado: 08/02/2019
  • Atualizado: 08/02/2019 às 21:39
  • Por: Leonardo Marson

Pilotos e pessoas ligadas ao automobilismo lamentaram o incêndio ocorrido na manhã desta sexta-feira (8) no Centro de Treinamento do Ninho do Urubu, localizado no Rio de Janeiro (RJ), que provocou a morte de dez jogadores das categorias de base do futebol do Flamengo. O acidente aconteceu por volta das 5h e os atletas que dormiam no alojamento reservado para as categorias de base.

“Que tristeza o que aconteceu hoje no Flamengo. Aqui vai o meu pensamento de força a todos .Eu como pai posso imaginar a tristeza das famílias pelos jogadores, trabalhadores do CT . Muitas pessoas acabaram perdendo a vida, espero o melhor e muita oração para os outros que estão no hospital”, escreveu Felipe Massa, atual piloto da Venturi na Fórmula E, através de sua conta no Instagram.

“Que tristeza o que aconteceu no Ninho do Urubu. Sonhos de jovens que buscavam fazer o que amam interrompidos. Meus sinceros sentimentos a todos os amigos e familiares, que tenham muita força neste momento tão difícil. Uma semana horrível pra a Cidade Maravilhosa, que eu tanto amo”, publicou Cacá Bueno, piloto da Cimed na Stock Car, também no Instagram, com uma imagem do Cristo Redentor segurando uma faixa com os dizeres “luto”, lembrando também da tempestade que castigou a capital fluminense na última quarta-feira.

Também através do Instagram, Nelsinho Piquet, que atua na Fórmula E defendendo a Jaguar, usou uma imagem de fundo preto com o brasão do clube carioca, com a hashtag “luto”. O brasiliense não postou nenhuma frase junto da imagem. A mesma foto foi utilizada por Thiago Camilo, piloto da Ipiranga Racing na Stock Car e torcedor do Flamengo.

Principal narrador das corridas de Fórmula 1 no Brasil e também torcedor declarado do rubro-negro da Gávea, Galvão Bueno usou o Twitter para lamentar o incêndio desta manhã. “Eram tão jovens! Com tantos sonhos! Tantas esperanças! Que Deus conforte as famílias”, publicou o profissional da TV Globo.

Veículos voltados ao esporte a motor também usaram as redes sociais para falar sobre o assunto. “Todos da Racing lamentam a morte dos dez atletas do Clube de Regatas do Flamengo no incêndio ocorrido na manhã desta sexta-feira no CT Ninho do Urubu, e desejam a recuperação dos atletas que estão internados. Força aos familiares e amigos das vítimas”, publicou RACING, através do Facebook.

O “Grande Prêmio”, um dos mais importantes sites do País, publicou em seu Twitter oficial: “Todos nós do Grande Prêmio acordamos muito tristes com o que aconteceu no CT do Flamengo. Desejamos muita força para as famílias e amigos das vítimas dessa tragédia”, manifestou o site pelo Twitter.