Card image
Fórmula E
Massa busca evolução com carro da Venturi em Marrakesh

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 11/01/2019
  • Atualizado: 11/01/2019 às 13:28
  • Por: Leonardo Marson

Felipe Massa evitou traçar um prognóstico sobre qual a posição da Venturi na atual temporada da Fórmula E. O brasileiro, que faz sua temporada de estreia na categoria dos carros elétricos, está no Marrocos, país que recebe neste sábado (12) o ePrix de Marrakesh, segunda etapa do campeonato, e acredita que a equipe está em um bom ritmo para evoluir após o ePrix de Ad-Diriyah, disputado em dezembro.

LEIA MAIS:
Nelsinho Piquet vê ePrix de Marrakesh como um “termômetro”
Lucas di Grassi busca pódio inédito em Marrakesh
Vergne promete ser mais rápido em corridas da Fórmula E
Fórmula E divulga pilotos escalados para teste de novatos

“Eu acho que ainda é cedo para ter uma ideia clara de onde a gente está em relação as outras equipes. A gente teve uma corrida só, onde choveu, a corrida foi no seco. Depois, nos treinos, cada hora uma equipe era mais rápida que as outras. Eu acho que a gente tem um bom ritmo. Eu tinha um bom ritmo na corrida, comparado com as outras equipes. Mas temos muito o que desenvolver, muito o que melhorar ainda”, disse Massa.

“A gente não tem um carro lento, também não temos, talvez, o carro mais rápido da categoria. Mas a gente está em uma posição de lutar por bons pontos, boas posições, quem sabe pódios até, e vamos ver se isso acontece nessa corrida, e desenvolver o carro de maneira correta para ter, quem sabe, um carro mais competitivo e mais rápido daqui até o final do ano”, seguiu o brasileiro, que espera por uma corrida com menos erros em Marrakesh.

“Eu aprendi muito. Tem muito o que aprender. O único problema é que a gente teve muitos erros de estratégia, erros onde o carro quebrou nos treinos. Eu não andei quase nada nos treinos e fui direto para a classificação. Não larguei onde deveria. Tive uma bandeira amarela na classificação, e acabei não tendo o ritmo que eu gostaria por esse problema, um carro que bateu na última curva”, explicou o piloto da Venturi.

“Na corrida, eu tinha um ritmo muito bom, talvez eu fosse um dos cinco mais rápidos, estava em uma excelente corrida. Infelizmente, a equipe errou e acabamos penalizados, o que acabou com minha corrida. Também tive problemas com o Fan Push, onde a equipe acabou não me informando a maneira certa de como usar. Problemas bobos que eu espero que não aconteçam mais”, seguiu Massa.

“Espero que a gente tenha um trabalho muito mais eficiente nesta corrida, e que eu aprenda a pista da melhor maneira possível, que é o mais importante para a gente conseguir um bom resultado”, completou o brasileiro.

Os treinos para o ePrix de Marrakesh serão abertos neste sábado, a partir das 5h. A classificação acontece às 9h, com transmissão dos canais Fox Sports, que também exibe a corrida, marcada para 13h.

Foto: FIA Formula E