Responsive Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Maverick completa 45 anos de lançamento no Brasil

Autor: Leonardo Marson


Um dos carros mais icônicos da história da indústria automobilística mundial, o Ford Maverick completou 45 anos de sua chegada ao Brasil, onde é até os dias de hoje cultuado. O modelo, lançado nos Estados Unidos em 1969 para concorrer com modelos europeus e japoneses, foi produzido no País por apenas seis anos, mas conquistou diversos fãs.

O Maverick foi inspirado no Mustang, e tinha preço mais baixo em relação aos seus concorrentes. Isso contribuiu para que, em apenas um ano, 579 mil unidades fossem comercializadas. No Brasil, o modelo chegou em 1972, quando foi apresentado no Salão do Automóvel, e passou a ser disponibilizado ao público um ano depois. A Ford, assim, ocupou o espaço existente entre o Corcel e o Galaxie.

Foram três versões inicialmente vendidas do Maverick no Brasil, ambas na configuração coupe com duas portas: Super, Super Luxo e GT, e com duas opções de motorização, 3.0 de seis cilindros em linha, de 112 cv, e V8 5.0, de 197 cv. Todos poderiam ser equipados com câmbio manual de quatro marchas ou automático de três marchas. O GT V8 com câmbio manual tinha produção limitada.

Em 1975, o motor de seis cilindros foi substituído pelo 2.3 de quatro cilindros, com comando de válvulas no cabeçote e 99 cv, isso por conta da crise do petróleo que mudou o mercado brasileiro. Posteriormente, o modelo GT também passou a oferecer o mesmo motor 2.3 de série, tendo o V8 como opcional. Quando saiu de linha no Brasil, em 1979, 108.106 unidades foram comercializadas.

O Maverick também teve ótimo desempenho nas pistas, graças à aerodinâmica do modelo e as preparações feitas para aumentar a potência do motor V8. José Carlos Pace, piloto com uma vitória na Fórmula 1, conduziu o modelo em provas do Campeonato Brasileiro de Turismo.

Foto: Ford