Responsive Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Ricciardo acerta estratégia, escala pelotão e vence na China

Autor: Leonardo Marson


Ricciardo escalou o pelotão após a saída do Safety Car, e garantiu a vitória. (Foto: Getty Images)

Daniel Ricciardo venceu na madrugada deste domingo (15) o Grande Prêmio da China, terceira etapa da temporada 2018 da Fórmula 1, disputada no Circuito Internacional de Xangai. O australiano se valeu de uma entrada do Safety Car, provocada por um acidente envolvendo Brendon Hartley e Pierre Gasly, ambos da Toro Rosso, na volta 32, colocou pneus macios em sua Red Bull, e ficou com melhores condições para escalar o pelotão, faturando a vitória.

A segunda colocação ficou com Valtteri Bottas, que mesmo com pneus mais desgastados em relação aos de Kimi Räikkönen, suportou a pressão do rival da Ferrari, e terminou a corrida com a segunda colocação, relegando seu conterrâneo ao terceiro lugar. O finlandês parou nos boxes apenas na volta 28, em uma resposta do time de Maranello, que viu os pilotos da Mercedes pararem nas voltas 19, com Lewis Hamilton, e 20, com Bottas.

Lewis Hamilton terminou a prova na quarta colocação, aproveitando de uma punição sofrida por Max Verstappen, que teve dez segundos adicionados ao seu tempo final de prova por causar um acidente com Sebastian Vettel na volta 43. Verstappen ficou com a quinta posição com a Red Bull, sendo seguido por Nico Hülkenberg, sexto com o carro preparado pela Renault.

Fernando Alonso, que trocou pneus apenas na volta 30, levou a McLaren ao sétimo lugar, depois de superar Vettel na penúltima das 56 voltas da prova, relegando o piloto da Ferrari, que liderou a corrida até a volta 21, quando foi aos boxes e perdeu a posição para Bottas, ao oitavo posto. Carlos Sainz foi o nono com a Renault, enquanto Kevin Magnussen completou a zona de pontos com a Haas.

A Fórmula 1 retoma seu campeonato no dia 29 de abril, com a realização do Grande Prêmio do Azerbaijão, que acontece no circuito montado nas ruas de Baku.

Foto: Getty Images